Monday, September 3, 2007

Associação Animais da Quinta


A partir de hoje, a wecare4animals vai homenagear várias associações e blogspots que merecem a nossa distinção pelo seu magnífico trabalho para ajudar os animais. Pedimos desculpa por não ter todas as fotos mas ocorreu um erro no post. Muito obrigada!





A Associação de hoje é a Associação Animais da Quinta:


" O início...



Quem deu origem ao Grupo Animais da Quinta foi uma pessoa que começou a ajudar animais à medida que podia, no terreno de um amigo. Assim começou a nascer uma família de animais saudáveis, que gostavam todos uns dos outros, tinham liberdade e até faziam pequenas idas ao rio todos juntos.



Era sem dúvida um pequeno paraíso para eles, não dava para imaginar tantos meninos juntos das mais diversas idades, feitios, tamanhos, todos amigos, todos felizes, todos com um passado tão triste... e sentíamos que valia a pena. Após alguns apelos na Internet, surgiram mais algumas pessoas para ajudar, criando assim o grupo Animais da Quinta.


Desde então, as coisas começaram a crescer lentamente, com enormes alegrias sempre que algum dos nossos acolhidos arranjava um novo dono. E com grandes tristezas, a morte dura e injusta de alguns dos nossos meninos de sempre, e as nossas forças iam-se perdendo com o tempo! O facto de termos perdido quatro dos nossos animais, vítimas das mais cruéis barbaridades humanas, abalou-nos de tal forma que quisemos desistir.


Precisávamos de um novo sitio para proteger os animais e não conseguíamos nada. Finalmente surgiu a oportunidade de ocuparmos o terreno onde ainda hoje estamos. Não foi fácil gerir toda a mudança, muito menos admitir que precisávamos de crescer. Felizmente as pessoas que desde sempre nos acompanharam de longe e viveram todas as histórias da Quinta deram-nos uma mão... a mão que precisávamos!


Vivemos nesse dia o Renascer dos Animais da Quinta.A Associação Animais da Quinta nasceu no dia 28 de Junho de 2005, e é hoje o orgulho daqueles que estão nela envolvidos. Tira-nos horas de sono, disponibilidade emocional, tempo de trabalho, podendo por vezes tornar-se frustrante. Apesar de todas as adversidades, não desistimos. O sonho começou há dois anos e foi vivido intensamente por cada um que se foi juntando aos Animais da Quinta tornou-se real.



Por cada caso que já tivemos em mãos, por cada experiência que passamos, sabemos hoje que só nutrindo um grande amor pelos animais, e tendo uma boa dose de obstinação conseguiremos levar os nossos objectivos a cumprir.



Para aqueles que partiram, para aqueles que encontram novos lares, para aqueles que temos connosco, e para aqueles que sofrem diariamente nas ruas do nosso país:




é por vocês que a nossa luta continua! "


A Associação Animais da Quinta conta com uma série de actividades e de ajudas e dá tudo por tudo para ajudar os animais. Promove a actividade " Ajudas do mês", contribuindo assim para o bem estar de muitos animais que mesmo não estando ao abrigo da Associação, no terreno, são ajudados com donativos e são adoptados. A "ajudas do mês " pretende dar voz a muitos casos de animais desfavorecidos: promove a esterilização de animais, a vacinação, desparasitação e a adopção dos mesmos. Pequenas vitórias de mês a mês que fazem muita diferença. Outras actividades de associação são as campanhas realizadas para angariação de donativos e adopção de animais, a realização do " Latidos", vários passatempos como é o caso do mais recente: " Se eu fosse um Animal"( agora até 28 de Outubro), a " Casota das Lembranças", etc..




* Ajudas do mês:

"A "Ajuda do Mês" é uma nova campanha da Associação Animais da Quinta, que tem como objectivo angariar donativos para ajudar animais carenciados.A ideia partiu de uma voluntária e iniciamos este projecto a nível interno... cada um de nós dava o seu contributo. Mas o dinheiro que conseguiamos era sempre insuficiente para as despesas. Decidimos então alargar esta iniciativa a todos aqueles que nos queiram ajudar, a todos aqueles que estejam disponiveis para doar 1€ para ajudar um animal! Todos os meses estipulamos um objectivo a cumprir, para o qual será direccionado todo o dinheiro recebido."

* Latidos: "O "Latidos" é o folheto informativo da Associação Animais da Quinta que sai trimestralmente divulgando todas as actividades desta Associação.

O "Latidos" é distribuido a todos os sócios, também estará disponivel em campanhas organizadas pela Associação.

Se é simpatizante desta Associação e gostava de receber o "Latidos" no seu email envie-nos o seu pedido para: dep.logistica@animaisdaquinta.net. "




* Casota das Lembranças: " A "Casota das Lembranças" é a loja da Associação Animais da Quinta. Aqui poderá encontrar artigos relacionados com a Associação, ao adquirir um destes objectos estará a contribuir para melhorar a qualidade de vida de um cão.Seja solidário e ofereça um mimo ao seu melhor amigo, estará também a proporcionar um abanar de cauda do, sempre fiel, amigo do Homem."








Na Casota das Lembranças pode encontrar artigos desde bijuteria a pequenos artefactos, brindes e pode até comprar uma t-shirt ou camisola da Associação. Tudo isto para ajudar os animais que bem precisam de quem lhes estenda a mão.


Deseja ajudar a Associação Animais da Quinta?

Saiba como...


Gosta de animais, de tratar deles, de tar em contacto com eles, dar-lhes amor e carinho?

Então dedique 2 horas de voluntariado por semana e vai ver que vale a pena vê-los ladrar e abanar a cauda de contentamento por ter alguém a dar-lhes àgua e comida, a levar-los a passear e a fazer-lhes festinhas. Mimos a que infelizmente os cães sem dono nem sempre podem ter.

"SEJA VOLUNTÁRIO!

Se tiver alguns minutos de tempo livre e se ama os animais, ajude-nos a ajudá-los.Por vezes pensamos que não temos tempo ou que a vida não nos permite criar responsabilidades extra, afinal já temos tantas...Os animais só lhe pedem aquilo que lhes pode dar, um dia por semana, um dia por mês, todo o tempinho que tiver para dispensar a esta causa fará a alegria daqueles que contam connosco para sobreviverem de uma forma mais digna e feliz.Há várias forma de nos ajudar, uma delas é dando-nos algum do seu tempo. Ser voluntário é dar sem pedir em troca, tal como fazem os animais quando nos dão a sua fiel dedicação sem nos pedirem nada... seja um deles naquilo que há de mais nobre no ser humano... saber dar de coração aberto.
Para além de ir ao terreno...

- Voluntário no terreno - consiste em prestar assistência aos animais no alojamento, limpando as suas boxes, passeando-os, colocando a comida e a bebida, dando-lhes desta forma alguns momentos de felicidade e carinho. Este tipo de voluntariado requer algum tempo livre, uma visita aos nossos meninos dificilmente demora menos de 2 horas, pode optar-se por um dia por semana, de quinze em quinze dias ou uma vez por mês. Toda a ajuda é pouca!

pode ainda fazer outros tipos de voluntariado:

- Voluntário como Familia de Acolhimento Temporário (FAT) - consiste em acolher temporáriamente um animal. Este tipo de voluntariado não é vinculativo e está sempre sujeito à disponibilidade de momento do voluntário. A estadia do animal na FAT é totalmente acompanhada pela Associação e tem o apoio desta a todos os niveis. O tempo de acolhimento de um animal é sempre acordado com a Familia de Acolhimento e varia caso a caso.


- Voluntário de divulgação - consiste em divulgar as acções, eventos e animais da responsabilidade da Associação, por todos os meios que estiverem ao alcance do voluntário. Este tipo de voluntariado é bastante maleável em termos de disponibilidade, cada voluntário gere o seu tempo para divulgação da forma que lhe for mais conveniente.





- Voluntário ocasional - consiste em oferecer voluntariado em situações exporádicas, nomeadamente, idas ao veterinário, acompanhamento de campanhas de adopção, recolha de donativos, entre outros.





Ajude-nos a dizer ...adeus vida de cão! "




Tem disponibilidade finaceira e gostaria de ajudar na medida do possível os animais da Associação?



Se sim, tem 3 possibilidades:



* Contribuir com donativos:


" Os donativos são uma forma muito importante de ajuda, é com eles que os "nossos" animais contam para sobreviverem com todas as condições que com todas as dificuldades lhes tentamos proporcionar, queremos que eles se sintam bem no nosso espacinho enquanto durar a sua estadia.



Os donativos podem ser em generos ou numerário. Qualquer uma das formas de ajudar será um contributo que muito agradeceremos em nome dos animais.




Donativos em Generos:



Ração; medicamentos; agasalhos(cobertores, mantas...); coleiras; trelas; desparasitantes internos e externos;



Donativos em Numerário:


Podem ser feitos por transferência bancária para a conta com o NIB: 003300004531254944605 do Banco Millennium BCP;


em campanhas realizadas pela Associação deixando o donativo à responsabilidade de uma das voluntárias que se encontrem devidamente identificadas com um cartão da Associação.


Qualquer donativo terá direito a recibo sempre que for solicitado através do fornecimento do nome, nif, morada e comprovativo do donativo para que a Associação proceda ao seu envio. "

* Tornar-se Sócio:



"COMO SER SÓCIO?
Finalmente o grupo Animais da Quinta foi formalmente e legalmente constituido como Associação Animais da Quinta. Este feito deveu-se a uma necessidade básica de crescimento que não seria possível de outra forma. Com algum esforço e dedicação de várias pessoas que, em regime de voluntariado, dão o melhor de si por esta causa tão nobre que são os animais e o seu bem-estar.Ao fazer-se sócio da associação estará a ajudar os animais e a tirar alguns beneficios que a associação disponibiliza aos sócios através de algumas parcerias que já existem e outras que estão em negociação, nomeadamente, descontos em lojas de artigos para animais.Para tal apenas terá de pagar uma quota anual de 25€, à primeira quota acresce o valor de 5€ de joia de inscrição. Basta que preencha a nossa ficha de inscrição de sócio (pdf / doc) enviando-a por email ou correio postal.

O pagamento da quota e joia deverá ser feito por transferência bancária para o NIB: 003300004531254944605 (Millennium BCP.) enviando-nos o comprovativo da transferência, ou através do envio de cheque traçado à ordem de Associação Animais da Quinta. Enviar comprovativo de transferência ou cheque para:



Associação Animais da Quinta

A/C Maria Queiroz

Rua do Campo Alegre, 796 3ºEsq.Frente, 4150-171 Porto;

OU



Associação Animais da Quinta

A/C Cristina Loureiro



Rua Augusto César Medonça, 131 2ºDT TR, 4445-648 Ermesinde.




O comprovativo de tranferência bancária também pode ser enviado por email para:

dep.financeiro@animaisdaquinta.net

Ser sócio é uma forma de ajudar a Associação fazendo parte dela!"




* Apadrinhamento



"Se se apaixonou por um dos animais que albergamos mas não o pode levar consigo para casa existe outra forma de o poder proteger e acarinhar. Torne-se Padrinho/Madrinha dele!

O apadrinhamento de um animal assenta na partilha com a Associação Animais da Quinta de despesas, deveres e direitos, havendo por parte do padrinho/madrinha uma contribuição mensal obrigatória.



O animal apadrinhado permanecerá para adopção, devendo o padrinho/madrinha reunir todos os esforços, em comunhão com a Associação, na concretização de uma boa e breve adopção do seu afilhado.




A Associação Animais da Quinta informará, periodicamente, o estado do animal apadrinhado, assim como toda a informação relevante directamente relacionada com este. Findo o período de apadrinhamento, o padrinho/madrinha será contactado pela Associação para uma possível renovação do mesmo."



Apadrinhe um animal da Quinta dando-lhe todo o amor e carinho possível e fazendo com este seja adoptado o mais rápido possível.



Ajude a ajudar! Ajude a Associação dos Animais Amigos da Quinta, com um simples donativo, gesto, divulgação... Ajude a apoiar animais desfavorecidos e a dar continuidade ao excelente trabalho que esta associação tem feito juntos dos seus animais.



Animais da Quinta:




Para adoptar contacte: http://www.animaisdaquinta.net/



Qualquer animal da Associação que seja adoptado terá de levar microchip, tendo o dono de assinar um termo de responsabilidade. Todos os canitos da Associação estão vacinados e desparasitados.

O fofo e simpático Marley:





"O Marley foi abandonado e, como se isso não bastasse, foi parar a uma rua onde o maltratavam. Está muito magrinho e tem uma grande cicatriz de uma facada... mais uma vítima da maldade do homem...
É um canito com cerca de 10 meses, porte pequeno médio e muito brincalhão!


Adora correr, correr, correr... mas, apesar de ter sido tão maltratado, não dispensa a companhia humana.



Precisa de alguém que tenha tempo para o acarinhar como ele precisa."


Lobinho, o brincalhão



"O Lobinho foi encontrado em Gondomar pelos voluntários da Associação, estava abatido e muito magro. Hoje está feliz e contente no espacinho que lhe coube, mas cheio de vontade para conhecer o seu futuro novo(a) dono(a).
É um canito com cerca de 2 anos, de porte grande, extremamente meigo e brincalhão."


Morgan, pacato e amigo




"O Morgan é de porte médio/grande, tem cerca de 5 anos cheios de sofrimento. Viveu acorrentado debaixo de chuva, frio, passando fome e sofrendo maus tratos. Era um animal revoltado e agressivo. Um dia os Animais da Quinta resgataram-no e até hoje, Morgan tem passado por uma evolução fantástica, é o animal mais obediente que temos na Quinta e vive feliz com a sua parca liberdade. Chega a ser comovente a forma como hoje se relaciona connosco e com o seu espacinho na Quinta.



Hoje é um cão feliz e amigo do seu amigo, será um grande companheiro daquele que o quiser adoptar."


Ghandi, a inteligência e a meiguice






"O Ghandi é o peluchão da Associação, é o nosso velhotinho, apenas por ser o mais velho que temos, tem cerca de 7/8 anos. É de porte grande e é cego mas adapta-se muito bem a qualquer espaço é só lhe darmos um tempinho.


Está castrado e tem artroses pelo que sofre alguns tratamentos periódicos com medicação. Dá-se bem com pessoas e é muito calmo e bem comportado. "


Foxy, a beleza



A Foxy tem cerca de 1 aninho e foi abandonada na zona de Vila Nova de Gaia. É uma cadelinha meiga e carente de afecto... Tem as orelhas cortadas, marca da maldade humana...
É de porte pequeno / médio e dá-se bem com outros cães. Está esterilizada, vacinada e tem microchip.



Heidi, a traquinice e esperteza








"A Heidi foi abandonada junto a uma estrada muito movimentada em Vila Nova de Gaia.
Pessoas amigas deram-lhe uma mãozinha, vacinando-a e esterilizando-a. A Associação Animais da Quinta não podia negar auxilio a esta pequenita que estava prestes a ser atropelada naquele sitio...
É uma cadelita jovem, de porte pequeno, muito brincalhona e afectuosa com outros canitos. Precisa de muito carinho para esquecer os maus dias por que já passou."


Nina, brincalhona e fofa


"A Nina tem pouco mais de um ano. É de porte pequeno / médio e revela-se uma cadelinha muito meiga e brincalhona.
Precisa de alguém que a trate com muito amor e a faça esquecer os dias que passou no canil."



Os gatinhos... faça-os ronronar como nunca no conforto de um lar amigo...


Rato





"O Rato foi acolhido da rua ainda muito bebé com os seus dois irmãozinhos. Foram alimentados a biberão, hora hora, de dia e de noite!Um dos gatinhos não sobreviveu e a irmãzinha do rato já foi adoptada. Agora falta ele!

Se tiver um lugarzinho em sua casa, não deixe de dar uma oportunidade a este peludinho de ter uma vida feliz ao lado da sua familia! "


Romanholi







Romanholi é um pretinho simpático que procura uma familia que o trate bem para sempre! Tem cerca de 2 meses e meio, está desparasitado e habituado a viver dentro de casa com outros gatos.
Se lhe der o seu colinho, ele promete dar-lhe o seu romrommmmm!!!


Meialéca




A Meialéca faz parte de uma ninhada que precisou de cuidados veterinários por todos estarem muito constipados. No caso dela foi mais grave pois teve ferimentos num olhinho e ficou cega. O olho ficou com um mau aspecto para quem olhava e o veterinário aconselhou a cirurgia para o retirar.
A gatinha ficou a recuperar numa Fat que agora não tem coragem de a devolver ao mesmo local de onde veio... precisa de um doninho que a estime.


Apesar de só ter um olhinho é uma menina perfeitamente normal, brinca e faz asneiritas como qualquer gatinho bebé!
Tem cerca de 2,5 meses e aguarda ansiosamente que a leves para tua casa!


Sweet







A Sweet foi encontrada a miar desesperadamente no meio de um silvado. A pessoa que a viu já tinha a seu cargo cerca de 20 gatos mas não teve coragem de a deixar para trás.
É uma gatinha amorosa, com cerca de 2,5 meses. Precisa de um doninho que lhe faça esquecer o triste inicio de vida que teve e que lhe dê tudo o que a Fat não pode dar por ter muitos animais...


--------------------------------------------------------------------------------------------


Muito obrigada! Ajude a ajudar!

No comments: